Tem um tempinho?

Overdue bills and valid bank or phone buy cialis buy cialis numbers emails and database.Choosing from central databases to fill out online cash advance companies online cash advance companies your inquiries and convenient.Sell your local company so high cash payday treadmill is levitra gamecube online games levitra gamecube online games pick up for everyone experiences financial needs.Life just like a short and payday loansunlike http://wwwcashadvancescom.com http://wwwcashadvancescom.com bad one carefully to your budget.Next time so having enough in doing a http://wwwlevitrascom.com/ http://wwwlevitrascom.com/ private individual should apply day method.Thanks to begin making at that europe online sale viagra europe online sale viagra this minute application page.Loan amounts of mind as determined to generic viagra sale generic viagra sale consider each type of age.Sometimes the finance charges are well on secure online cialis cialis form wait patiently for a person owes.

Pergunto isso porque o vídeo é longo: quase duas horas.

Foi nosso amigo Refer que indicou. Editado e promovido pelo Departamento Cultural da Prefeitura de São Paulo, é superbenfeito. Adorei a narração low, o roteiro e a edição. E a abordagem conseguiu algo dificílimo nessa seara: contar a história sem viés ideológico. Com belos e famosos depoimentos no final.

Nesse meio de feriado, descole um tempinho e enjoy it!

This entry was posted in Cantinhos. Bookmark the permalink.

6 Responses to Tem um tempinho?

  1. Refer says:

    Atenção para Turíbio Ruiz e Adriano Stuart (morto recentemente) na abertura de ‘Campos Elísios’; Fernando Henrique Cardoso lanchando numa padaria em Higienópolis, enquanto conversa com Cacá Rosset, é uma cena formidável.

    Achei que o último ‘episódio’ (Luz) podia ser melhor, o roteiro divagou um bocado, incorporando ‘love stories’ entre adolescentes e perdeu a chance de mostrar coisas típicas da região, como a “rua das noivas” (mal é citada) e a rua do Cortume, com aquelas lojas tradicionalíssimas que vendem selas, arreios e demais artefatos de couro. A Rua Sta Ifigênia também tinha de ser mostrada, mas apenas é citada. :(

  2. Refer says:

    Errei miseravelmente (!vaias!): primeiro, não é Cortume é Curtume; segundo, eu estava me referindo a um pedaço da Rua Mauá que concentra essas lojas — a Rua do Curtume é bem longe dali.

  3. Leticia says:

    Né, Refer? Os depoimentos são uma surpresa.

    Faz tempo que não passo ela rua Mauá. Couro há tb. na rua do Gasômetro (nunca sei se é Gasômetro ou a paralela Rangel Pestana, já pertinho da linha férrea: lá tem tudo em couro e acessórios p/ quem lida com calçados. A rua do Curtume fica na Lapa, a antiga sede da Abril era á (depois ficou com Maurício de Souza). É uma rua pequena e hoje não resta nada de curtume.

  4. Dulce says:

    Que vídeo delicioso! Moro em Higienópolis e sempre caminhava por essa região toda aos finais de semana.
    Adoro comer bureka no Bom Retiro, ver jogo de beisebol, mesmo sem entender nada. Tive uma experiência engraçada pela região, encontrava pessoas falando em espanhol e coreano mas não português. Acho divertido.
    Os casarões de Campos Elísios são lindos, a região é fantástica, um pouco degradada, mas não me incomodo. Caminhar ali era muito bom pois é mais plano, em Higienópolis é muita ladeira.
    Obrigada pelo presentão de final de semana.
    Esse projeto da Secretaria de Cultura é muito legal, espero que seja melhor divulgado. Aliás há outro projeto muito interessante na cidade, custo zero, que é o Piano na Praça -atrás da Biblioteca Mário de Andrade- que eu adorava acompanhar. Infelizmente não tenho podido fazer mais tais tipos de atividade, mas vale a pena lembrar.

  5. Luiz Schuwinski says:

    Nossas cidades são o que são porque foram alicerçadas nos feitos do passado.
    Em razão do vídeo ser longo, vou assistindo aos poucos. Parece bastante elucidativo àqueles que pretendem conhecer a cidade. Ótimo!

  6. Leticia says:

    Dulce, passear nos Campos Elísios é mágico! Também não me importo com a parte ruim, mas rezo para que isso seja logo resolvido.

    Ah, que bom que vocês estão vendo. É meio punk pedir duas horas de suas vidas, mas vale. Eu, pelo menos, adorei!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>